Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge
siga-nos RSS Facebook Twitter YouTube
Enviar E-mail

 eportuguese

 

  

O que é e qual a sua missão
A rede ePORTUGUÊSe (Rede de fontes de informação e conhecimento em saúde para os países de língua portuguesa) é uma plataforma da Organização Mundial da Saúde (OMS), criada em 2005 após o Fórum Global de Pesquisa em Saúde realizado em 2004, para apoiar o desenvolvimento de recursos humanos para a saúde nos oito países de língua portuguesa (Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, Timor-Leste e São Tomé e Príncipe), fortalecendo a colaboração na área da informação e capacitação em saúde.

O que faz
Promove o desenvolvimento da Biblioteca Virtual em Saúde (BVS), apoia a disseminação da Biblioteca Azul em português, facilita a interação entre instituições de saúde e colabora para a formação e capacitação de profissionais de saúde.

Objetivos
• Promover e melhorar o acesso à informação em saúde disponível em português, utilizando o modelo da Biblioteca Virtual em Saúde
• Promover o acesso e a disseminação da informação em saúde a nível local, regional, nacional e internacional
• Dar visibilidade e apoio à produção local de conhecimento, fortalecendo a pesquisa em português
• Facilitar a transformação do conhecimento em ações e políticas de saúde
• Promover o acesso e a disseminação da informação em saúde disponível em português, utilizando o modelo da Biblioteca Azul
• Facilitar a capacitação e treinamento de recursos humanos em saúde em diversas áreas do conhecimento
• Dar ênfase ao conhecimento nacional e regional contribuindo para o desenvolvimento da capacitação local, institucional e nacional
• Promover o desenvolvimento de Comunidades de Práticas (CoP), BLOGs, espaços colaborativos e grupos de discussão
• Contribuir para a Biblioteca Global em Saúde
• Promover capacitação e treinamento no uso do portal HINARI (Acesso eletrônico à pesquisa em saúde)
• Contribuir com os esforços da OMS para promover o multilinguismo entre os seus Estados-Membros.

 

Componentes da rede e comunidades de práticas

Biblioteca Virtual em Saúde (BVS) ePORTUGUÊSe - rede de informação científica e técnica em saúde implementada pela rede ePORTUGUÊSe nos países de língua portuguesa, com base no modelo da Biblioteca Virtual em Saúde (BVS) disponibilizado pela BIREME, que constitui uma rede de gestão da informação, intercâmbio de conhecimento e evidência científica em saúde, que se estabelece pela cooperação entre instituições e profissionais na produção, intermediação e uso das fontes de informação científica em saúde, em acesso aberto e universal na web
A Biblioteca Virtual em Saúde (BVS), também conhecida pelo seu nome original Biblioteca Regional de Medicina (BIREME), foi criada em 1967 pela Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde através do Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde (BIREME/OPAS/OMS), tendo sido consolidada como estratégia de cooperação técnica em informação científica em saúde na região da América Latina e Caribe e extensível a outras regiões em desenvolvimento. Com sede no campus central da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), a rede BVS conta atualmente com 115 bibliotecas virtuais nacionais e temáticas, envolvendo 31 países.

Biblioteca Global em Saúde (GHL) - a rede ePORTUGUÊSe contribui ainda para a GHL lançada em 2005 com o objetivo de aumentar o acesso à informação e evidência científica em saúde, particularmente nas regiões em desenvolvimento.
A GHL é promovida e coordenada pela OMS como parte de sua estratégia para a gestão do conhecimento em saúde pública mundial e operacionalizada pela BIREME com a adoção do modelo BVS, visando o seu desenvolvimento especificamente fortalecer, promover e desenvolver redes mundiais na recolha, organização, disseminação e acesso universal à informação relevante em ciências da saúde. Esta biblioteca global congregará as iniciativas existentes, bibliotecas virtuais, redes, sistema, produtos e serviços, procurando aumentar sua interoperabilidade, visibilidade e acessibilidade e promover/conetar progressivamente os seguimentos local, nacional, regionais e internacionais de informação em saúde, de forma a maximizar as atividades colaborativas em redes e minimizar as duplicações.

Espaço Colaborativo ePORTUGUÊSe - espaço especialmente dedicado  à partilha de informação entre os membros da rede com o objetivo de melhorar a disseminação e a visibilidade da informação em saúde em português.
Idealizado inicialmente como um espaço de discussão sobre a Biblioteca Virtual em Saúde da rede ePORTUGUÊSe, transformou-se aos poucos e por requisição dos Diretores de Recursos Humanos para a Saúde durante a reunião da CE/PALOP/OMS em dezembro de 2008, num espaço de registo de notícias, repositório de documentos, fotografias, artigos e outras informação de interesse para os membros da rede.
Foi desenvolvido em 2007, tornando-se mais dinâmico a partir de 2009. Para participar, basta registar-se.


Bibliotecas Azuis (BAs) - projeto Biblioteca Azul (BA) desenvolvido pela Biblioteca da OMS em 1997 com o objetivo de aumentar a informação disponível nos centros distritais de saúde em África e compensar a falta de informação existente. Foi criada em francês, inglês e árabe. Em 2006, estendeu-se para o português e em 2012 para o espanhol.
O projecto das BAs em português foi desenvolvido pela rede ePORTUGUÊSe em parceria com a divisão de publicações da OMS (WHO press) e com o apoio do Ministério da Saúde do Brasil e do extinto Alto Comissariado da Saúde de Portugal e é hoje uma das atividades mais importantes da rede.
A coleção abrange mais de 180 livros, documentos e manuais sobre saúde pública, gestão, políticas de saúde, cuidados de enfermagem, saúde da mulher e da criança, doenças infeciosas, SIDA, malária, entre outros. Entre os documentos selecionados, deu-se prioridade aos manuais básicos que oferecem soluções práticas aos problemas enfrentados diariamente pelos profissionais de saúde. Considerou-se também os diferentes níveis de conhecimento do público-alvo e, portanto, pode-se encontrar o mesmo tema dirigido a diferentes categorias profissionais (médicos, enfermeiros, agentes comunitários, etc.). A BA permite que quaisquer outros materiais apropriados ou mais culturalmente aceites para o país/distrito ou região sejam inseridos e acrescentados pelos profissionais.
Para facilitar o transporte e armazenamento, a coleção é mantida em uma caixa de metal azul, contendo duas prateleiras com caixas de papelão que mantêm os livros organizados de acordo com o tema.

  

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Grupo HIFA-pt (Informação em saúde para todos) - fórum de discussão em português lançado em 2009 que reúne mais de 2100 membros provenientes de 30 países incluindo os países de língua portuguesa.
Foi desenvolvido pela rede ePORTUGUÊSe em colaboração com a Rede Global de Informação em Cuidados de Saúde, uma iniciativa sem fins lucrativos, com o objetivo de integrar os profissionais de saúde, decisores de políticas, gestores, bibliotecários e profissionais da informação dos países de língua portuguesa numa rede de discussão ampla e articulada com o grupo HIFA2015 (Health information for all by 2015), de discussão em inglês, criado em 2006 pela Rede Global de Informação em Cuidados de Saúde, atualmente com mais de 7000 membros de 171 países.
O objetivo do grupo HIFA-pt é contribuir para que os profissionais de saúde dos países de língua portuguesa possam discutir e trocar experiências sobre temas de comum interesse e que todas as pessoas tenham acesso à informação em saúde que necessitam, de forma a fazer face à falta de acesso à informação em saúde relevante, atualizada e confiável que contribui para o elevado número de mortes evitáveis, principalmente nos países em desenvolvimento.
O grupo de discussão funciona por email, com o apoio de um moderador. Registe-se aqui 

  

Portal HINARI (Acesso eletrônico à pesquisa em saúde) - plataforma para incentivar a investigação em saúde através da promoção do acesso à literatura biomédica.
Lançado em 2002 e liderado pela OMS, o programa HINARI visa fortalecer os serviços de saúde disponibilizando via internet o acesso à informação relevante, oportuna e de alta qualidade para profissionais de saúde, investigadores e formuladores de políticas dos países em desenvolvimento.
É uma parceria público-privada que, com mais de 150 editoras participantes, disponibiliza o acesso eletrónico a mais de 15.000 fontes de informação na área biomédica e das ciências sociais, em texto integral e mais de 30 idiomas.
O acesso é previsto para instituições sem fins lucrativos e é gratuito ou a baixo custo (os PALOP fazem parte do grupo de países com acesso livre). Mais de 5 mil instituições em 106 países estão registradas no HINARI; somente em 2011, foram consultados mais de 7.5 milhões de artigos.
São disponibilizados módulos de formação para formadores e cursos de curta duração, também na modalidade à distância, para o desenvolvimento de competências básicas para a pesquisa em saúde.

 

 

  

 

Saiba mais:
Prioridades, atividades e realizações: 2013-14
• Reunião da Rede 2014
• Relatório Avaliação: 2005-2013

Criação da Rede ePORTUGUÊSe
• Parceiros da Rede
Vídeo BVS ePORTUGUÊSe
• Vídeo BVS Brasil 10 anos

 

Contactos da Rede:
Organização Mundial de Saúde
20, avenue Appia
CH-1211 Geneva 27
eportuguese@who.int  
Tel: 41 022 791 3069

Pontos Focais da Rede no Instituto Ricardo Jorge
Prof. José Pereira Miguel
jomiguel@mail.telepac.pt

Dra. Elvira Silvestre
Bibliotecária do Instituto elvira.silvestre@insa.min-saude.pt
Tel: 21 75 08 106

 

Portugal na Rede ePORTUGUÊSe
Entrevista ao Prof. J. Pereira Miguel
(Jan, 2013)


 

 

Boletim da rede ePORTUGUÊSe
boletim informativo da rede com notícias e novidades.
Subscreva, enviando email para eportuguese@who.int

 

Media / Redes sociais
FacebookTwitter, Blog 
You Tube channel  

 

PARTICIPE!