Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge
siga-nos RSS Facebook Twitter YouTube
Enviar E-mail
 
 

 Diphtheria Surveillance Network 

 

Responsável: Paula Lavado (Portugal)

Data: Outubro 2007-Outubro 2009

Financiamento: DIPNET

Introdução: "A rede DIPNET, iniciada a 1 de Novembro de 2006, é um programa que reúne 25 países Europeus (os 24 estados membros e a Turquia) e países participantes para além da Europa, numa rede de vigilância dedicada à difteria e infecções relacionadas causadas por Corynebacterium diphtheriae e Corynebacterium ulcerans.
O que é a difteria? A difteria é uma infecção aguda do Homem, que afecta o tracto respiratório superior e ocasionalmente a pele, causada pela acção da toxina da difteria, produzida pela Corynebacterium diphtheriae toxigénica, ou por Corynebacterium ulcerans. A principal característica da difteria que afecta o tracto respiratório superior é uma faringite membranosa (geralmente referida como pseudo membrana), com febre, nódulos linfáticos e edema dos tecidos moles. A pseudo membrana pode causar obstrução respiratória. A toxina também afecta outras partes do organismo incluindo o coração e o sistema nervoso, causando paralisia e ataque cardíaco. As infecções mais suaves parecem-se com a faringite a estreptococos e a pseudo membrana pode não se desenvolver, particularmente em indivíduos vacinados. A bactéria também pode ser assintomática. A rede DIPNET foi desenvolvida devido ao ressurgimento de difteria nos países da Federação Russa, ocorrida nos anos 90, com mais de 50 000 casos a serem reportados no pico da epidemia em 1995. Após campanhas de imunização em massa, medidas adicionais de controlo e suporte de organizações como WHO, ELWGD e outras agências, a difteria está agora largamente controlada na região WHO EURO. No entanto há necessidade da existência de uma rede de laboratórios de referência de difteria e de epidemiologistas / especialistas em Saúde Pública, pois no futuro pode voltar a haver o ressurgimento da difteria, apesar da vacinação."

Objectivos: "Vigilância e Avaliação do Impacto da Doença; Estabelecer mecanismos definidos para a vigilância em microbiologia e saúde pública, culminando na actualização das “Guidelines” europeias para a vigilância, na Europa; Avaliação dos Laboratórios de Referência de Difteria e Controlo de Qualidade; Harmonizar, padronizar e melhorar a vigilância de Corynebacterium diphtheriae and C.ulcerans na Europa, através da participação no Controlo de Qualidade externo da DIPNET, para o diagnóstico laboratorial e para treino do pessoal, culminando na publicação das “guidelines” Europeias EU (ECDC/WHO/DIPNET)."

Projecto de Vigilância Europeu DIPNET


 


Áreas de projecto : Laboratório de Referência / Observação de Saúde

Departamentos: Doenças Infeciosas

Áreas de trabalho: Infecções Respiratórias